Mudança – preparação

Quem me conhece sabe que desde que eu casei eu mudei muito. Então posso dizer que tenho experiência no assunto. Foram 4 mudanças em menos de dois anos! Imagina encaixotar tudo, desempacotar tudo…esse tanto de vezes em tão pouco tempo! Foram as circunstâncias que não permitiram que ficássemos em uma só casa até sair nosso apartamento. Então ficamos sempre no improviso até agora. Por isso juntamos muitos móveis provisórios, que não iríamos usar depois, e coisas que a gente não sabia, mas que não ia caber no apartamento. Então, juntei uma série de dicas para quem está se preparando para mudar de casa, essas dicas são para você se preparar, não para o dia da mudança.

7

Último dia na casa antiga!

1- Se você sabe que vai mudar de casa logo, já prepare móveis que serão doados ou vendidos e já providencie isso antes da mudança. Itens grandes, difíceis de carregar principalmente. Veja o tamanho da casa nova, se for menor que a casa anterior, se livrar de alguns móveis é essencial mesmo. Separe itens na sua casa para jogar fora e para doar. Faça um limpa mesmo, não deixe nada desnecessário. Aproveite a mudança para tirar roupas velhas e tudo que você não usa, assim que for encaixotando as coisas.

2- Tudo aquilo que você não vai usar imediatamente pode ser encaixotado aos poucos. E se não for usar nunca, não se esqueça que sempre pode doar/jogar fora.

3- Utilize etiquetas para escrever o que tem na sua caixa, e em que cômodo aquilo deve ser guardado. Letras para dar ordem de importância para as suas caixas também é legal. Coisas que devem ser desempacotadas imediatamente recebem a letra A, o que pode esperar um pouco, a letra B, aquilo que não é nada urgente, a letra C. Facilita na hora de começar a montar a casa nova.

4- Se você tem condições, espere ter uma cozinha pronta e armários dos quartos para se mudar. Viver sem esses itens fica bem complicado (passamos por isso algumas vezes, principalmente no apartamento novo!)

5- Se sua mudança é na mesma cidade, vá levando as coisas aos poucos, cada vez que precisar ir à casa nova, encha o carro e leve um pouco da mudança. Sempre levando os itens menos urgentes primeiro (as caixas com a letra C)

6- Tenha um kit-mudança: Fita crepe, papel para embrulhar, caixas e mais caixas. Compre um rolo de papel bolha, vai ajudar a embalar tudo e não quebrar nada na mudança. Um rolo de papel de embrulho também ajuda. Se não tiver grana, junte jornais com vizinhos e parentes. Tem supermercados que oferecem muitas caixas para quem quiser pegar, principalmente naqueles que vendem em atacado.

7- O que estiver na caixa original fica mais fácil de transportar.

8- Pesquise empresas de transporte e veja o que fica melhor para você. São vários tipo de trabalho, tem empresas que empacotam tudo, carregam o caminhão, transportam, descarregam e montam os móveis (pacote completo), e tem caminhões que só transportam (o mais simples). Normalmente nós contratamos um caminhoneiro que faz o frete e nós fazemos todo o resto, é mais barato, e nossa mudança sempre é relativamente pequena.

9- Informe banco, assinaturas de revistas, cartões, detran, etc… que você está mudando de endereço. Faça uma lista de tudo que recebe pelo correio para não esquecer de nada.

10- Prepare o bom humor e não se irrite fácil, a bagunça vai ficar por aí por um tempo mesmo. Tem que ter paciência que na casa nova as coisas vão se ajustando. Período de mudança é complicado e nunca é rápido e indolor, pelo menos para mim. Mas se eu consegui fazer 4 mudanças completas em menos de 2 anos, porque você não vai conseguir fazer a sua?

Aqui embaixo umas fotos do dia da mudança no nosso apartamento novo, para vocês verem que é bagunça mesmo, e quanto menor for o espaço, maior vai ser a bagunça.

1234 5 6

Anúncios