10 dicas de como economizar em uma viagem para os EUA

1 – Se você tem pretensão de viajar num futuro próximo, já providencie o seu passaporte. Para os EUA ainda é necessário o visto para permitir sua entrada no pais. O processo não é garantido nem muito rápido e não é feito em todas as cidades. O nosso fizemos em São Paulo e correu tudo bem. Não contrate agências para ajudar com o visto, acho que não vale a pena. Tem muitos formulários a preencher, mas se você fala inglês ou conhece alguém que possa te ajudar dá para fazer numa boa.

Interna_Folder

2 – Veja os destinos mais visitados no Tripadvisor, as melhores épocas para viajar o destino que você escolher, e dicas de passeios, hotéis e restaurantes. Uso esse site para montar meus roteiros.

3 – Ter datas flexíveis para viajar. Procure tirar férias em meses de baixa temporada (fica mais fácil se você não tem filhos em idade escolar). E ainda digo mais, procure marcar suas férias depois de ter achado a passagem em promoção, pois a promoção vai escolher você.

4 – Acompanhar o Melhores destinos sempre, pois saem promoções muito boas nesse site, que divulga as melhores passagens da internet, sem ser ligado a um site em especial. As melhores passagens são para os meses de baixa temporada. Só compre passagens de sites confiáveis.

5 – Essa dica é muito pessoal, mas eu não gosto de pacotes fechados de viagem. Acho que se paga caro por um serviço que não é legal, pois você fica muito preso a viagem proposta. Prefiro comprar tudo separado e ir conhecendo o destino aos poucos e na minha velocidade. (Isso para mim vale para qualquer viagem).

6 – Hora de montar o roteiro: Use o Tripadvisor para decidir o que você quer ver em cada lugar, e quantos dias vai ficar em cada lugar. Depois vou falar só sobre o roteiro em um post.

7 – Depois que você esperou e comprou a passagem, acompanhe o Booking para escolher os melhores hotéis. No Booking você pode se inscrever, e esperar por promoções de bons hotéis a preços baixos. Lá você vê a opinião de hospedes que já ficaram naquele hotel e a nota que deram.

8 – Quando for resolver se vai alugar carro, ou se vai escolher outro tipo de transporte veja esse site da Rhinocarhire e alugue por aqui. Tem os melhores preços. Se for alugar carro no exterior é bom você ter a carteira de motorista internacional e levar a carteira de motorista com você na viagem. Não esqueça de contratar seguro contra terceiros, que nem sempre está incluso no seu contrato de aluguel.

9 – Acompanhe as taxas cambiais para ir comprando dólares aos poucos, para não sofrer muito com as variações do dólar. No Melhores Destinos eu fiquei sabendo que tem como sacar dinheiro na função débito, que é mais barato, direto nos ATM no exterior. Fizemos isso na nossa viagem e deu certo e foi mais barato mesmo! Confira aqui. Junte o máximo de dinheiro que puder, fique sem comprar nada mesmo, pois tudo isso será recompensado depois. Dá para renovar guarda-roupa, enxoval e coisas de cozinha por lá. E tudo isso gastando muuuito menos.

74895_2743-620x465

10 – Se prepare para levar pouca coisa de bagagem. Nos EUA, fazer compras é praticamente irresistível. Dá para levar uma mala e comprar outra mala no exterior. O limite de bagagem para serem despachadas são 2 malas de 32kg cada. Se prepare para querer trazer cada graminha desses 64 kg que você tem direito em coisas novas para você e para sua casa!

DSC04466

Pra quem nunca viajou para fora do país pode parecer uma coisa muito difícil, ou inalcançável, mas na verdade é tudo uma questão de planejamento e de definir certos parâmetros para não gastar além da conta. Essa última foto é no Central Park, em NY. Quem ia adivinhar que eu ia achar um castelinho por lá? Eu nem sabia que tinha…Por essas descobertas e outras, eu digo, VÁ VIAJAR! CONHEÇA O MUNDO! =)

Anúncios